Reformas e avaliação da prestação de serviços dos planos de saúde

Transferência gradual da responsabilidade pelos cuidados de saúde em prisões e
detenções para autoridades nacionais ou estaduais de saúde e contratação de
profissionais de saúde pelas autoridades de saúde pública em nível local,
regional ou nacional;
 Emprego de profissionais de saúde que trabalham simultaneamente na prisão e
na comunidade para reduzir os perigos do isolamento profissional que
acompanha a prática exclusivamente atrás das grades e também para facilitar a
equivalência dos cuidados;
 Avaliação científica do impacto da transferência de responsabilidade, com

especial atenção à qualidade dos cuidados de saúde, incluindo a relação médico-
paciente. Além disso, barreiras relacionadas à transferência devem ser avaliadas.

Dada a escassez de relatórios nacionais e dados de resultados de qualidade, 37,38 ainda
não está disponível o impacto preciso da transferência dos cuidados de saúde prisional
para as autoridades de saúde pública. No entanto, os países que passaram por esse
processo relatam maior independência profissional para os profissionais de saúde. 39
A OMS e o UNODC deixaram claro “que transferir cuidados de saúde prisionais para a
jurisdição dos ministérios da saúde será um processo longo” e “que o sucesso, e não
colocar os prisioneiros em maiores riscos à saúde.Jocross Hapvida telefone maceio